24 de outubro de 2009

Curiosidades: Leilão dos afrescos da Igreja do Rosário

Lendo a matéria publicada neste 24 de outubro com assunto acima; lembrei-me de ter visto algo sobre isto, em minhas pesquisas.

Em agosto de 1956 os jornais de Campinas publicavam dados; onde o médico José De Angelis manteria os afrescos conservados e como o fez até este outubro de 2009.


2 comentários:

Dayz disse...

ESSES PAINÉS TRAZEM À TONA UMA FERIDA QUE NÃO FOI CICATRIZADA.
HÁ COISAS BELAS DENTRO DESSA LEMBRANÇA E QUE AGORA VÊM À TONA. DEMONSTRAM QUE A IGREJA DO ROSÁRIO ERA TÃO BONITA POR DENTRO QUANTO POR FORA. A FOTOGRAFIA SALVOU AS IMAGENS DO LADO EXTERNO. PODEMOS SABER COMO ERA ELA. E A PICTÓRICA RELIGIOSA QUE ORNAMENTAVA A ARQUITETURA POR DENTRO, ALIMENTANDO O IMAGINÁRIO RELIGIOSO E ARTÍSTICO DOS FREQUENTADORES? ME DISSERAM QUE SEU INTERIOR ERA INTEIRO RECOBERTO POR PAINÉS NARRANDO AS HISTÓRIAS BÍBLICAS. SUA DESTRUIÇÃO É PARA MIM O MARCO DE MINHA CHEGADA À CAMPINAS. FOI QUANDO CONHECI A VIOLÊNCIA CONTRA A CIDADE, PARA MIM, ATÉ ENTÃO, INIMAGINÁVEL. Dayz Peixoto

J.M.Fantinatti disse...

Palavras acima (Sra. Dayz Peixoto) é de uma das grandes pesquisadora da história de Campinas.